Your application for a Courtesy Membership is under review

We have just received your information and we will get back to you shortly. Check out the steps below:

Information sent


2

Application in analysis


3

Feedback email


4

Complimentary access activated

* Required fields
I confirm that I have read and agree to the Terms and Conditions of GRI Club
Crédito: Chalabala / Envato Elements
Infrastructure

Estradas inteligentes viram realidade no Brasil

As inovações nas estradas ainda vão demorar para se tornar parte do nosso dia a dia, mas a mudança já está em curso

February 16, 2022

Na quinta-feira 27 de janeiro, o GRI Club promoveu o Club Meeting “Conectividade nas estradas: evoluímos rumo à ampliação da cobertura?”. O evento reuniu players do setor, especialistas e autoridades para tratar de todas as questões concernentes ao leilão do 5G, cujo objetivo é expandir a cobertura de internet em até 48 mil quilômetros no país. Além disso, foi realizada uma visita exclusiva ao showroom da Huawei durante o evento para conhecer as inovações em tecnologia da informação e comunicação aplicadas ao setor rodoviário.

Atilio Rulli (Vice President, Government Relations, Huawei), em texto publicado após o evento no portal Connected Smart Cities, aprofunda-se em relação às mudanças iminentes pelas quais o setor rodoviário passará nos próximos anos. Confira a análise na íntegra a seguir:      
 
A revolução digital está provocando mudanças profundas na mobilidade urbana. E não será  diferente com as estradas. A forma como pensamos e começamos a reestruturar as nossas rodovias já passa por modificações e vai transformar o modo como desfrutamos das estradas. Com o avanço das telecomunicações, da chegada do 5G, da computação em nuvem, da Inteligência Artificial, da Internet das Coisas (IoT), da energia solar com painéis fotovoltaicos e tantas outras tecnologias, teremos, em um futuro não muito distante, estradas muito mais seguras e “inteligentes”.
 
Além de carregar automaticamente a bateria dos veículos elétricos por sistemas sem fio que integram painéis solares, as estradas do futuro irão se “comunicar” diretamente com os motoristas sobre qualquer tipo de incidente nas estradas, alertar para o excesso de velocidade e proporcionar a solicitação de socorro direto do celular. Haverá cruzamentos inteligentes com sensores avançados e aparelhos de comunicação que permitirão reduzir o tempo de resgate em caso de acidente. As rodovias inteligentes também serão capazes de facilitar o rastreamento de cargas, tornando este serviço acessível a todas empresas. Os pedágios terão passagem direta sob pórticos, sem gerar os grandes congestionamentos nas cabines que vemos hoje no Brasil, especialmente em dias de feriado.
 
O maior ganho que os projetos tecnológicos trarão para as estradas é, sem dúvida, a segurança. As estradas inteligentes vão “falar” com os motoristas, fornecendo automaticamente informações sobre qualquer perigo ou mesmo violação das regras de trânsito. Mas o conforto também está entre os itens de valor agregado, promovendo viagens mais prazerosas, nas quais será possível desfrutar de todos os itens tecnológicos que muitos veículos já dispõem a bordo ou mesmo os portáteis, mas que ainda não podem ser desfrutados 100% por falta ou inconstância de conectividade ao longo do percurso. Será possível ouvir a rádio de preferência do começo ao fim da viagem ou mesmo estar conectado aos aplicativos de música ou vídeo. 
 
As inovações que irão revolucionar a nossa forma de viajar e a ideia atual que temos de estradas ainda vão levar pelo menos uma década para se tornar parte do nosso dia a dia. Mas a mudança já começa a acontecer gradualmente. Tanto que já temos no Brasil algumas estradas onde podemos vivenciar parte desta experiência. Uma delas – e pioneira em oferecer conexão Wi-Fi Hi-Waas aos usuários – é a Rodovia dos Tamoios. A solução de conectividade sem fio presente nos 80 quilômetros da estrada que liga São José dos Campos, no interior de SP, ao litoral norte do Estado, foi implantada em 2017 numa parceria entre a Huawei e a concessionária Tamoios. Parcerias como esta também já proporcionaram a modernização de outras estradas de SP, como a Eixo-SP, que acaba de ser inaugurada com uma versão mais moderna da solução Hi-Waas da Tamoios.
 
Desenvolvida pela Huawei especialmente para as estradas brasileiras, a tecnologia Wi-Fi Hi-Waas, permite que, mesmo em movimento, com o veículo a 120 km/h, o socorro na estrada seja acionado em caso de necessidade, sem que o motorista tenha que sair do veículo ou estacionar o carro e caminhar até uma cabine de telefone, como atualmente. Basta ter um celular conectado a esse Wi-Fi da estrada. Um item de segurança que traz conforto e tranquilidade para o usuário. 

Essas são apenas algumas das tecnologias que já começamos a ver nas estradas brasileiras que, juntas, somam 1,7 milhão de quilômetros, de acordo com dados do DNIT (Departamento Nacional de Transportes Terrestres). Com uma imensa variedade de inovações, as estradas poderão ser atualizadas com tecnologias de comunicação, iluminação e transmissão de energia, melhorar a segurança e a eficiência, ajudando a transformar a experiência de direção do motorista. Além de conectar diversos tipos de dispositivos, como sensores de velocidade, sensores acústicos, câmeras de CFTV IP, semáforos inteligentes, sistemas de monitoramento de condições, clima e sinalização digital. Como esses dispositivos coletam e analisam dados quase em tempo real, as cidades também podem obter seus benefícios, afinal muitas estradas brasileiras começam ou cruzam as cidades.

 
Texto publicado por Atilio Rulli no portal Connected Smart Cities em 28 de janeiro de 2022
https://portal.connectedsmartcities.com.br/2022/01/28/estradas-inteligentes-deixam-de-ser-conceito-futurista-e-comecam-a-virar-realidade-no-brasil/
 

Related News