Crédito: Unsplash
Português

Incorporadoras e loteadoras avançam em adoção de tecnologia

3 MIN READJune 21, 2019
Incorporadoras residenciais e loteadoras investem cada vez mais na implementação de soluções tecnológicas em seus empreendimentos novos e preexistentes, com vistas a estimular a valorização dos ativos e uma melhor experiência dos moradores. Entre as novidades que vêm sendo adotadas, estão o uso de cercas elétricas digitais e sistemas de análise preditiva e o estabelecimento de parcerias com marketplaces e aplicativos de delivery.

Para viabilizar esse salto tecnológico, a aproximação com startups inovadoras ligadas ao setor imobiliário, conhecidas como proptechs, é uma da estratégias mais empregadas. É o que fizeram, por exemplo, a Tecnisa, com seu programa Fast Dating, e a Alphaville Urbanismo, por meio do Alpha Inova, lançado em 2017.

Case Alpha Inova

O Alpha Inova funciona basicamente em duas etapas: na primeira, ocorrem a filtragem e a seleção de empresas com foco em inovação; na segunda, as escolhidas passam a desenvolver produtos para aplicação em empreendimentos da loteadora, buscando maximizar a eficiência operacional dos condomínios e explorando tecnologias que atendam a processos variados da cadeia do negócio, desde construção, vendas e serviços até o uso final.  

“As empresas precisam incentivar esses espaços [de inovação]. Para explorar e inovar, é preciso ter essas ferramentas disponíveis, pensar no tema e tornar isso possível", disse Patricia Hulle, superintendente de Negócios da Alphaville Urbanismo, em participação no Smartus Proptech Summit. O evento foi realizado em março pela Smartus, empresa do GRI Group.

Patricia Hulle
Patricia Hulle, superintendente de Negócios da Alphaville Urbanismo | Crédito: GRI Group / Flávio Guarnieri

A executiva destaca que o relacionamento com as startups trouxe benefício financeiro, operacional e organizacional à Alphaville. "Mudamos a cultura da companhia”, declarou.

Algumas das soluções viabilizadas por meio do Alpha Inova até aqui abarcaram reúso de água e tecnologias de drenagem, facilitação de crédito imobiliário, desburocratização da gestão de documentos e integração da comunidade – por meio de um aplicativo, o MyVillage, voltado à troca de pertences e à comunicação entre os condôminos.

Também estão em desenvolvimento na Alphaville, via outra iniciativa, a Alpha Labs – espécie de laboratório interno que desenvolve ideias inovadoras propostas por funcionários da companhia para aplicação em seus empreendimentos –, soluções nas áreas de prospecção de terrenos, iluminação com telegestão, marketplace e compartilhamento de bicicletas, entre outras. As ferramentas se pautam em tecnologias variadas, passando por inteligência artificial, chatbot, análise de dados, automatização, digitalização e internet das coisas (IoT, na sigla em inglês).

Brazil GRI 2019

Brazil GRI 2019

O que há de mais importante para o futuro do mercado imobiliário no Brasil, incluindo importantes inovações e novas estratégias de negócios, estará na agenda da décima edição do Brazil GRI, que acontece em novembro em São Paulo. O evento reúne os líderes dos diversos segmentos da indústria imobiliária nacional, passando por escritórios, industrial e logística, shopping e varejo, residencial, hotéis e loteamentos, em um ambiente informal e propício ao networking. Confira os detalhes da agenda, nomes confirmados e como participar.
Related News
←  SHARE
Real Estate
GRI
X
Privacy policy and how we use cookies
We use cookies to give you the best experience on our website.
By continuing we'll assume you're on board with our privacy police
Accept and hide this message