Português

Secretário antecipa plano integrado de infraestrutura ao GRI

3 MIN READApril 03, 2019

O GRI Club Infra realizou nesta quarta-feira (03 de abril) um club meeting sobre o planejamento de longo prazo para o setor de infraestrutura, com a participação de Diogo Mac Cord, titular da Secretaria de Desenvolvimento da Infraestrutura (SDI), ligada ao Ministério da Economia. 

O encontro foi uma oportunidade para que players do setor pudessem entender de forma detalhada a atuação da secretaria e sua participação, junto a outras pastas do governo federal, na criação de um plano de infraestrutura de longo prazo. Moderada por Guilherme Galego, executivo de Project Finance do Banco Santander, a reunião contou também com a presença de Pedro Capeluppi, diretor de Relacionamento Institucional da SDI.

Com foco em produtividade, a partir de uma série de projetos já propostos pelos diferentes ministérios, a SDI trabalha em um planejamento integrado para o setor. De acordo com Mac Cord, a meta é chegar a R$ 200 bilhões em investimentos em 2020. 

"Verificamos em nosso diagnóstico que um dos principais pontos seria a falta de projetos. Há dinheiro e apetite para investir [no Brasil]. O que precisamos é desenhar um portfólio de projetos, qualitativa e quantitativamente, em um cronograma possível e agressivo", declarou ele ao GRI Hub, em entrevista logo após a discussão.

Concluídos os processos de definição e submissão ao Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI), os projetos serão inseridos na carteira do programa federal para serem viabilizados. O acompanhamento das propostas poderá ser feito via Observatório de Infraestrutura, plataforma que estará disponível online para trazer transparência às iniciativas.

Para o andamento do plano, a SDI se apoia em uma iniciativa de benchmarking junto ao Reino Unido, a UK taskforce, e em suporte técnico de organismos multilaterais – a exemplo do Banco Mundial e do Banco de Desenvolvimento Interamericano, entre outras iniciativas. 

A discussão do club meeting perspassou ainda diversos outros temas considerados essenciais para o desenvolvimento da indústria de infraestrutura, como a mitigação de risco cambial, arranjos institucionais e segmentos específicos, a exemplo de saneamento, logístico e energético. 

Os primeiros passos para a viabilização de um plano integrado de infraestrutura foram recebidos com entusiasmo entre os participantes. Acompanharam o meeting cerca de 60 líderes do mercado de infraestrutura, como Gustavo Barreto (CCR), Marcio Protta (Arteris), André De Angelo (Acciona), Eduardo Backheuser (Carioca Engenharia) e André Abucham (Engeform). 
 

Infra Latin America GRI 2019

As oportunidades de investimentos, pipeline de projetos, originação e modelagem no Brasil e em outros países da América Latina voltam ao centro das discussões no  Infra Latin America GRI 2019, evento que acontece nos dias 16 e 17 de maio, em Nova York. 

A conferência tem como objetivo compartilhar soluções para os desafios comuns dos mercados emergentes, fomentar novas oportunidades de negócios com investidores globais, analisar tópicos estratégicos que definem o futuro dos setores de Infraestrutura, endereçar propostas para autoridades governamentais e conexões voltadas a negócios. Para conferir detalhes, acesse o site.

 

Related News
←  SHARE
Infrastructure
GRI
X
Privacy policy and how we use cookies
We use cookies to give you the best experience on our website.
By continuing we'll assume you're on board with our privacy police
Accept and hide this message