2º China-Brazil Infrastructure SummitSão Paulo, 6 de novembro

Visão Geral

O principal encontro sobre investimento Chinês em infraestrutura no Brasil

No dia 6 de novembro de 2017, o GRI Club Infra, com o apoio da ABEC (Associação Brasileira de Empresas Chinesas) e CCPIT (Conselho Chinês de Promoção de Comércio Internacional no Brasil) realiza o 2º China-Brazil Infrastructure Summit, em São Paulo.

Em seu primeiro evento da série, em novembro de 2016, o encontro reuniu líderes dos principais players Chineses como ICBC, PowerChina, China Ghezouba Group Corp, State Grid, CTG Brazil, Haitong, entre outros.

Este ano, o GRI realiza a segunda edição para aprofundar o debate, troca de experiências e conhecimento e desenvolvimento de negócios entre os executivos chineses e brasileiros.

O encontro ainda terá abertura de autoridades governamentais de ambos países, em um formato que privilegia o networking e a geração de negócios, em um nível selecionado de elevada senioridade.

  • Foco em debater investimentos e oportunidades em energia, ferrovias, aeroportos, mobilidade, portos, resíduos, rodovias, saneamento no Brasil.
  • Formato de discussões informais, em que todos podem participar.
  • +200 líderes das principais empresas Chinesas e Brasileiras de infraestrutura.
  • Presença de líderes do governo Brasileiro e Chinês.
Formato

 

O China-Brazil Infrastructure Summit não é uma conferência tradicional com palestras e apresentações. Trata-se de um encontro diferenciado para um público único: decisores do setor de infraestrutura.

O modelo é baseado em diálogos e grupos de discussões informais e simultâneas, dos quais todos participam, priorizando os temas mais relevantes para o seu negócio. Tendo em vista o nível dos participantes, a troca de ideias se mostra muito proveitosa.

Ao estimular o diálogo constante, o formato especial do GRI, aplicado com sucesso em cerca de 20 países, facilita o relacionamento, a geração de novos negócios e o compartilhamento de experiências.

Além do GRI, na organização deste encontro, o China-Brazil Infrastructure Summit 2016 conta com o apoio de duas importantes instituições chinesas, reconhecidas por seu governo para atuação no Brasil.

Associação Empresas Chinesas no Brasil

Entidade vinculada à Embaixada da China no Brasil e a seu Departamento Econômico e Comercial, a Associação Brasileira das Empresas Chinesas (ABEC) foi fundada em julho de 2014. Reúne, além de empresas, instituições, grupos sociais e organizações da China - já registrados ou em vias de oficialização no Brasil - que têm como objetivo desenvolver relações comerciais e de investimento entre os dois países. Sempre respeitando a legislação brasileira, a ABEC visa a promover o intercâmbio e a cooperação de seus associados com órgãos governamentais e empresários brasileiros e incentivar o desenvolvimento dos negócios de seus membros garantindo-lhes, no processo, a capacidade de autogestão. Também se propõe a fornecer serviços e assessoria e, ainda, a apresentar as reivindicações e a defender os interesses legítimos de seus associados.

Os 70 membros da ABEC cobrem a maioria das mais importantes empresas chinesas com presença no Brasil. O ICBC do Brasil Banco Múltiplo assumiu a primeira presidência, e o atual presidente é o Banco da China Brasil. O secretariado da Associação, por sua vez, ficou a cargo do Conselho Chinês de Promoção de Comércio Internacional no Brasil.

Desde que foi criada, a ABEC vem trabalhando intensamente para assessorar empresas chinesas e brasileiras, fomentar sua cooperação e atuar como sua representante. Entre 2014 e 2016, organizou mais de 60 atividades (entre palestras, treinamentos, colóquios e feiras),tornando-se uma entidade representativa com grau crescente de influência e um verdadeiro porto seguro para empresas chinesas.

Por fim, a ABEC reafirma sua total disposição em trabalhar em parceria com todos, no intuito de impulsionar as relações econômicas e comerciais entre a China e o Brasil e aprofundar a amizade que une seus povos!

Conselho Chinês de Promoção ao Comércio Internacional

Fundado em 1952, o Conselho Chinês de Promoção ao Comércio Internacional (CCPIT) é uma agência nacional de promoção ao investimento e às transações comerciais internacionais cujas principais responsabilidades incluem:

  • implementar estratégias de desenvolvimento nacional para promoção do comércio exterior e de investimentos e cooperações bilaterais nos setores econômico e tecnológico;
  • avançar na cooperação com instituições afins em outros países;
  • acolher importantes delegações estrangeiras;
  • organizar delegações chinesas para missões ao exterior e preparar comitivas chinesas para participar de feiras, exposições, fóruns e conferências internacionais;
  • gerenciar exposições no exterior organizadas por agências chinesas;
  • envolver-se nos assuntos do Bureau Internacional de Exposições (BIE) e da World Expo em nome do governo chinês;
  • representar a indústria e o comércio chineses em nível internacional, participando da formulação de políticas e regras do setor, além de negociações;
  • realizar consultoria jurídica, conciliação comercial, arbitragem marítima e de negócios;
  • emitir certificados de origem para produtos de exportação e outros documentos referentes ao comércio exterior e prestar serviços de propriedade intelectual (pedidos de patente, registro de marca, litígios e direitos de salvaguarda);
  • orientar indústrias e empresas para enfrentar disputas comerciais;
  • fornecer informações, treinamento, etc.

O escritório do CCPIT no Brasil tem como compromisso promover o desenvolvimento das relações de comércio e investimento entre a China e o Brasil, estabelecer pontes para intercâmbio e cooperação entre empresários dos dois países, assessorar as empresas bilaterais e levar adiante suas reivindicações, organizar diversas formas de atividades, em diversos níveis, com o intuito de contribuir positivamente para as relações comerciais bilaterais, a prosperidades das duas economias e o bem-estar de todos os envolvidos.

Agenda

Manhã

08h00 - 09h00 | Credenciamento


09h00 - 10h00 | Abertura / Keynote com Autoridades Brasileiras e Chinesas


10h00 - 10h30 | Coffee break


10h30 - 11h30 | Discussões


11h30 - 12h00 | Coffee break

Tarde

12h00 - 13h00 | Discussões 


13h00 - 14h30 | Almoço 


14h30 - 15h30 | Discussões 


15h30 - 16h00 | Coffee break


16h00 - 17h00 | Discussões 


17h00 - 18h00 | Closing Drinks

pin

Local

Hotel Pullman Ibirapuera Rua Joinville, 515, São Paulo - SP
Fábio Corsini
Fábio Corsini
[email protected]
+55 (19) 3203-0645
Senior Director
GRI
Biografia:

Fábio Corsini é Senior Director do GRI, atuando no Club de Infraestrutura liderando eventos focados em América Latina e China. Anteriormente trabalhou por 10 anos no setor de Real Estate com pesquisas de mercado, além de também ter trabalhado em empresas como Gerdau e HSBC.

Possui experiência profissional internacional, graduação em Administração de Empresas e MBA em Marketing pela FGV.

Sectoral Club Partner

ABB

Program Sponsor

Warde Advogados

Co-organizadores

Associação Empresas Chinesas no BrasilCCPIT

ABB

Warde Advogados

Infraestrutura e Financiamento

A equipe de Warde Advogados assessora bancos/sindicatos e empresas nacionais e estrangeiras em project finance, financiamento para capital de giro, refinanciamento e na preparação e negociação de contratos relacionados a projetos de infraestrutura (e.g., EPC e O&M). Nossa equipe também assessora empresas nacionais e estrangeiras em licitações, empréstimos “cross-border”, aquisição de ativos em cenário de estresse, em aspectos regulatórios e auditoria jurídica de projetos de infraestrutura.

Nossos profissionais são altamente qualificados e combinam a prática com um fluxo continuo de trabalho acadêmico, tendo desenvolvido projetos com relevantes entes governamentais (“Plano de Salvamento do Projeto Nacional de Infraestrutura”) e sendo coautores de projetos de lei (Lei No. 4.303 - “Regime da Sociedade Anônima Simplificada”) tendo publicado diversos livros e artigos, fornecendo material útil a profissionais de direito e autoridades.


Associação Empresas Chinesas no Brasil

Entidade vinculada à Embaixada da China no Brasil e a seu Departamento Econômico e Comercial, a Associação Brasileira das Empresas Chinesas (ABEC) foi fundada em julho de 2014. Reúne, além de empresas, instituições, grupos sociais e organizações da China - já registrados ou em vias de oficialização no Brasil - que têm como objetivo desenvolver relações comerciais e de investimento entre os dois países. Sempre respeitando a legislação brasileira, a ABEC visa a promover o intercâmbio e a cooperação de seus associados com órgãos governamentais e empresários brasileiros e incentivar o desenvolvimento dos negócios de seus membros garantindo-lhes, no processo, a capacidade de autogestão. Também se propõe a fornecer serviços e assessoria e, ainda, a apresentar as reivindicações e a defender os interesses legítimos de seus associados.

Os 70 membros da ABEC cobrem a maioria das mais importantes empresas chinesas com presença no Brasil. O ICBC do Brasil Banco Múltiplo assumiu a primeira presidência, e o atual presidente é o Banco da China Brasil. O secretariado da Associação, por sua vez, ficou a cargo do Conselho Chinês de Promoção de Comércio Internacional no Brasil.

Desde que foi criada, a ABEC vem trabalhando intensamente para assessorar empresas chinesas e brasileiras, fomentar sua cooperação e atuar como sua representante. Entre 2014 e 2016, organizou mais de 60 atividades (entre palestras, treinamentos, colóquios e feiras),tornando-se uma entidade representativa com grau crescente de influência e um verdadeiro porto seguro para empresas chinesas.

Por fim, a ABEC reafirma sua total disposição em trabalhar em parceria com todos, no intuito de impulsionar as relações econômicas e comerciais entre a China e o Brasil e aprofundar a amizade que une seus povos!

CCPIT

Fundado em 1952, o Conselho Chinês de Promoção ao Comércio Internacional (CCPIT) é uma agência nacional de promoção ao investimento e às transações comerciais internacionais cujas principais responsabilidades incluem:

  • implementar estratégias de desenvolvimento nacional para promoção do comércio exterior e de investimentos e cooperações bilaterais nos setores econômico e tecnológico;
  • avançar na cooperação com instituições afins em outros países;
  • acolher importantes delegações estrangeiras;
  • organizar delegações chinesas para missões ao exterior e preparar comitivas chinesas para participar de feiras, exposições, fóruns e conferências internacionais;
  • gerenciar exposições no exterior organizadas por agências chinesas;
  • envolver-se nos assuntos do Bureau Internacional de Exposições (BIE) e da World Expo em nome do governo chinês;
  • representar a indústria e o comércio chineses em nível internacional, participando da formulação de políticas e regras do setor, além de negociações;
  • realizar consultoria jurídica, conciliação comercial, arbitragem marítima e de negócios;
  • emitir certificados de origem para produtos de exportação e outros documentos referentes ao comércio exterior e prestar serviços de propriedade intelectual (pedidos de patente, registro de marca, litígios e direitos de salvaguarda);
  • orientar indústrias e empresas para enfrentar disputas comerciais;
  • fornecer informações, treinamento, etc.

O escritório do CCPIT no Brasil tem como compromisso promover o desenvolvimento das relações de comércio e investimento entre a China e o Brasil, estabelecer pontes para intercâmbio e cooperação entre empresários dos dois países, assessorar as empresas bilaterais e levar adiante suas reivindicações, organizar diversas formas de atividades, em diversos níveis, com o intuito de contribuir positivamente para as relações comerciais bilaterais, a prosperidades das duas economias e o bem-estar de todos os envolvidos.

Eventos relacionados